• Quinta-feira 21°11°C
  • pt PT
  • Google Tradutor
    Tradutor

Ambiente Cultura Desporto Destaques Economia Habitação Institucional Juventude Mobilidade Obras Urbanismo

Câmara de Baião inaugurou requalificação urbana da sede do concelho e anunciou novos investimentos

Baião apresentou, no dia 13 de outubro, novos desafios e linhas orientadoras rumo ao futuro, no âmbito da inauguração da Requalificação Urbana da Vila de Baião, cerimónia assinalada com o descerramento de uma placa pelo presidente da Câmara de Baião, Paulo Pereira, nas proximidades da Fonte Nova, na rua de Camões, com a presença do presidente da Assembleia Municipal, Armando Fonseca, do presidente da União de Freguesias de Campelo e Ovil, David Monteiro, outros autarcas, dirigentes associativos e população local.

“Esta é uma cerimónia especial que nos permite apresentar aquela que tem sido a nossa estratégia, a forma como se articulam os investimentos, na sua maioria no espaço público e que resulta de uma gestão financeira rigorosa que nos permitiu a captação de fundos comunitários, tornando possível a concretização da maioria das obras e lançar novos investimentos. Isto só é possível se tivermos projetos prontos atempadamente, capacidade para ir a jogo, assumir a nossa percentagem nas candidaturas aos fundos europeus”, explicou o presidente da Câmara de Baião adiantando, “o que hoje inauguramos enquadra-se numa linha que continuamos a seguir, apontando para uma sempre crescente melhoria da qualidade de vida dos baionenses. Este conjunto de intervenções na nossa vila sede, confere a esta sala de visitas de todos os baionenses o conforto, a atratividade, a fluidez da circulação, em linha com os melhores padrões da modernidade e da sustentabilidade, realçou.

O presidente da Assembleia Municipal, Armando Fonseca, sublinhou também a “boa saúde financeira do município que permite acompanhar a disponibilização de fundos europeus e concretizar obras tão importantes para Baião e para os baionenses”, referiu.

Por sua vez, o presidente da União de Freguesias de Campelo e Ovil, David Monteiro, expressou a sua satisfação pelo conjunto de obras em curso e previstas para a sua freguesia, adiantando que são prova de que “estamos a servir e a servir bem a nossa terra”, frisou.

O FUTURO, HOJE

O presidente da Câmara apresentou, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, um conjunto de projetos, executados, em curso ou em fase de lançamento, enquadrados num “desafio de fomento e diversificação da oferta e qualidade habitacional; promoção da cultura; conhecimento e inovação; valorização do património natural e ambiental, e melhoria da mobilidade e urbanidade”.

Sublinhando “a ambição e o empenho em garantir mais e melhores condições de vida e de fruição do nosso território, a quem cá reside, a quem cá trabalha e a quem nos visita”, Paulo Pereira deu conta de um total de 31 intervenções, estando executadas 12 e 7 em execução, num investimento global de 7,5 milhões de euros, com financiamento através de fundos comunitários de 3,1 milhões, estando em preparação mais 12 intervenções.

No âmbito da Cultura e do Conhecimento, destaques para a Requalificação do Auditório Municipal – um investimento de 451 mil euros, com comparticipação de 376 mil euros; da Biblioteca Municipal – 1 milhão de investimento comparticipado em 900 mil euros -, e a requalificação do antigo edifício do antigo Gabinete Técnico (antiga Casa dos Magistrados) que poderá ser convertida num espaço interpretativo do território.

QUALIDADE DOS SERVIÇOS, NO DESPORTO, NATUREZA E LAZER

No contexto do reforço da Qualidade nos Serviços e no Desporto, de sublinhar a intenção de se encontrar uma resposta em termos de “Casa da Juventude”, a qualificação do Pavilhão Multiusos. Referência, ainda, para a recente qualificação do Edifício de Extensão aos Serviços Municipais – Polo 2 –, um investimento de 656 mil euros, comparticipado em 164 mil euros.

Numa perspetiva de defesa e promoção da Natureza e do Lazer salienta-se a Aquisição de Terrenos nas Serras da Aboboreira e do Castelo de Matos, num investimento de 123 mil euros; o Estudo do Potencial Arqueológico do Castelo de Matos e a Classificação da Paisagem Protegida Regional, projetos já executados e, com projetos em preparação, o Albergue de Almofrela; o Corredor Ecológico Pedonal; e a Requalificação do Centro Hípico.

URBANIDADE E MOBILIDADE

No que diz respeito ao Urbanismo e à Mobilidade, destacam-se a requalificação do Jardim de S. Bartolomeu, investimento de 158 mil euros, com comparticipação de 122 mil euros; a requalificação da Rua de Camões, investimento total de 509 mil euros, comparticipado em 392 mil euros;  a requalificação do Jardim Eça de Queiroz, investimento total de 42 mil euros – montante comparticipado de 36 mil euros; a Rede Pedonal/Criação de Passeios, onde foi investido um valor total de 714 mil euros, sendo o montante comparticipado de 625 mil euros e a requalificação do jardim dr. José Teixeira, com a renovação das instalações sanitárias. Neste âmbito, está ainda em preparação o projeto para a requalificação da Feira do Tijelinho.

Ainda neste enquadramento integra-se a 1.ª fase da requalificação do Centro Cívico de Ovil, apontando para um investimento total de 82.600 euros, bem como a qualificação das vias centrais da vila de Baião, nomeadamente a rua Eça de Queiroz, num investimento total de 110 mil euros, bem como a requalificação da rua dr. António F.C. Pais do Amaral.

HABITAÇÃO

No sentido de responder às necessidades no setor da habitação, foi feita a aquisição para reabilitação de prédio devoluto no lugar das Leiras, com 18 frações habitacionais autónomas, investimento de 2,5 milhões de euros para disponibilização de habitação no âmbito da Estratégia Local de Habitação – 1.º Direito.

No âmbito do Programa de Arrendamento Acessível, está prevista na área de expansão urbana, a construção de até 3 edifícios, com 4 pisos acima do solo, estando já assinado o protocolo com o IHRU para a construção de 2 edifícios, num total de 26 apartamentos por edifício. Para habitação familiar serão disponibilizados 16 lotes de terreno com projeto aprovado.

ACOLHIMENTO EMPRESARIAL

Faz também parte das novas intervenções, a Expansão da Área de Acolhimento Empresarial, com aumento da área disponível em 23.000 m2, traduzido num investimento de 1.052 milhões de euros, com a comparticipação de 390 mil euros, para a disponibilização de 8 novos lotes.

ÁREA DE EXPANSÃO URBANA

A Área de Expansão Urbana da Vila de Baião irá incluir um Parque de Lazer, com equipamentos interativos, áreas de jogos para prática de modalidades desportivas, jardins, bar, anfiteatro, zonas pedonais e cicláveis e áreas de habitação coletiva e familiar.

MODERNIDADE NOS SERVIÇOS

Vai ser criado o Bairro Comercial Digital de Baião, projeto a implementar pela Associação Empresarial de Baião, em parceria com o Município de Baião, com um investimento global de 499 mil euros, comparticipado na totalidade.

A recente aquisição de uma fração num edifício situado na rua Comandante Agatão Lança, com um investimento de 150 mil euros, vai permitir a criação de salas de formação, de um espaço para incubação de empresas e poderá vir a albergar a Loja Social, iniciativa da Associação de Trabalhadores da Câmara Municipal de Baião.

Também a Casa de Chavães, imóvel emblemático do concelho que acolhe o Comando Sub-regional de Emergência e Proteção Civil do Tâmega e Sousa, poderá vir a assumir novas valências no âmbito da sua ação que se estende aos 11 municípios que integram a CIM Douro, Tâmega e Sousa.

O investimento agora anunciado, apontado ao futuro, enquadra-se na estratégia de desenvolvimento delineada pelo atual executivo, com apostas concertadas em setores fundamentais que conduzirão à melhoria sempre crescente das condições de vida no nosso território.

AnteriorSeguinte

COMUNIQUE UMA OCORRÊNCIA
NO TERRITÓRIO DE BAIÃO

Alerte a Câmara Municipal de Baião para OCORRÊNCIAS no espaço público (quedas de árvores, fugas de água, estrada danificada, animais abandonados, entre outros…).

Clique AQUI para aceder à página de submissão de alertas.

Baião agradece-lhe o tempo dispensado.
Obrigado! ?

Quinta-feira 21°11°CSexta-feira 14°8°CSábado 18°8°CDomingo 19°13°CSegunda-feira 17°13°CTerça-feira 16°10°C

CONTACTOS ÚTEIS

Câmara Municipal

255 540 500

Praça Heróis do Ultramar 4640-158 Campelo - Baião

Seg. a Sex. : 09h às 13h - 14h às 17h

 

Auditório Municipal

255 542 918

Seg. a Sex. :  09h às 13h - 14h às 17h

 

Posto de Turismo

255 540 562

Seg. a Sex. : 09h às 13h - 14h às 17h Sáb e Dom. : 10h às 13h

 

Museu Municipal

255 540 550

Seg. a Sex. : 09h às 13h - 14h às 17h

Ver todos

[wpc-weather id=”69316″/]

FARMÁCIAS EM BAIÃO

Farmácia Queirós Cunha | Campelo

Morada
Rua de Camões, 172
Campelo

Telefone
255 542 340

Horário
Todos os dias > 08h30 às 22h00
Serviço noturno alternado

Farmácia Barbosa | Campelo

Morada
Rua de Camões, 360
Campelo

Telefone
255 541 113

Horário
Todos os dias > 08h30 às 22h00
Serviço noturno alternado

Farmácia Rocha Barros | Ancede

Morada
Rua da Capelinha, 71 e 75
Ancede

Telefone
255 551 425

Horário
Segunda a Sexta > 08h30 às 20h00
Sábado> 09h00 às 13h00 e 14h00 às 20h00
Domingo e Feriados > 09h30 às 13h00
Restantes horas, disponibilidade permanente mediante contacto telefónico

Farmácia de Gestaçô | Gestaçô

Morada
Rua Soeiro Pereira Gomes, nº 30
Gestaçô

Telefone
254 888 006

Horário
Segunda a Sexta > 09h00 às 20h30
Sábado > 09h às 13h00 e 14h30 às 20h30
Restantes horas, disponibilidade permanente mediante contacto telefónico

Farmácia Santa Marinha | Sta. Marinha do Zêzere

Morada
Rua 20 de Junho – Edifício Central Zezerense, LJ H
Santa Marinha do Zêzere

Telefone
254 888 193

Horário
Segunda a Sexta > 09h00/20h30
Sábado> 09h00-13h00 e 14h30-20h30
Domingo e Feriados > 09h00-13h00
Restantes horas, disponibilidade permanente mediante contactos telefónico

Farmácia Cardoso Cruz | Sta. Marinha do Zêzere

Morada
Rua 1º de Maio, nº 161
Santa Marinha do Zêzere

Telefone
254 881 900

Horário
Segunda a Sexta > 09h00/19h00
Restantes horas, disponibilidade permanente mediante contacto telefónico