• Terça-feira 10°5°C
  • pt PT
  • Google Tradutor
    Tradutor

Destaques Institucional Proteção Civil

Ministro da Administração Interna homologou protocolos para a reabilitação do Posto Territorial da GNR de Baião e gestão das casas de função e de guarnição

O Ministro da Administração Interna, José Luís Carneiro, fez a primeira visita oficial a Baião, desde que integrou XXIII Governo Constitucional, no dia 8 de outubro, a convite do Presidente da Câmara Municipal, Paulo Pereira, onde homologou dois protocolos.

Um deles tendo em vista a celebração de contrato interadministrativo para obras de reabilitação do Posto Territorial da GNR de Baião e outro relativo à cedência da gestão de dois espaços de alojamento, designados casa de função e casa de guarnição do mesmo Posto Territorial para apoio a vítimas de violência doméstica.

À tarde, José Luís Carneiro presidiu às cerimónias de celebração dos 60 anos da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Baião.

O governante foi recebido, de manhã, na Praça Heróis do Ultramar, onde fez a revista à formatura conjunta dos Bombeiros Voluntários de Baião e de Santa Marinha do Zêzere.

A Banda Marcial de Ancede e a Banda Musical da Casa do Povo de Santa Marinha do Zêzere abrilhantaram a cerimónia, destacando-se a interpretação em uníssono do Hino de Baião.

De seguida, realizou-se uma sessão solene, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, onde foram homologados os protocolos para a reabilitação do Posto Territorial da GNR de Baião e para a cedência das casas de função e guarnição do mesmo Posto Territorial, para apoio a vítimas de violência doméstica.

Neste “regresso a casa” de José Luís Carneiro, Ministro da Administração Interna, mas também ex-Presidente da Câmara e da Assembleia Municipais de Baião, além de outras funções que desempenhou no concelho e nos órgãos regionais, não escondeu a emoção pelos reencontros que a visita proporcionou.

“EM CADA MOMENTO QUE VOLTO AO LUGAR ONDE NASCI, SINTO-ME UM PRIVILEGIADO”

Na sua intervenção, o Ministro da Administração Interna, disse estar grato ao Presidente da Câmara Municipal de Baião, “pelo gesto que muito me sensibilizou, ao ter endereçado o convite para estar hoje na nossa sede do Concelho de Baião e, na circunstância, participar na justa homenagem aos Bombeiros Voluntários de Baião”.

No momento mais emocionado da sessão, o Ministro da Administração Interna, referiu que “não há lugar sem memória, nem memória sem lugar. Em cada momento que volto ao lugar onde nasci sinto-me um privilegiado. Privilegiado por poder rever e lembrar aquelas e aqueles que marcaram o meu crescimento e a minha formação como pessoa; privilegiado por poder fruir e contemplar a natureza, onde a simbiose entre a serra e o rio nos retempera forças e nos dá renovado ânimo”.

O governante revelou ainda os “sentimentos de honra e de orgulho que me acometem e que todas e todos compreenderão”, manifestando ainda a “honra em ter servido com humildade a nossa terra como autarca, procurando seguir o exemplo de gerações e gerações de conterrâneos que, na nossa longa tradição municipalista, elevaram bem alto os desígnios das nossas gentes”.

José Luís Carneiro, deixou também uma palavra de “agradecimento para todos os agentes da Proteção Civil, a começar pela Câmara Municipal e pela GNR”, assim como “uma palavra de profundo reconhecimento aos Bombeiros Voluntários – que a montante e a jusante, contribuem para a prevenção e proteção das populações e das suas formas de vida“, realçando ainda o papel que desempenham na sociedade e acrescentando que “cooperação, integração e articulação são palavras-chave na forma como as estruturas e agentes da Proteção Civil local e intermunicipal atuam. Cabe-lhes a promoção de uma estratégia preventiva, que consolide o nível municipal como base do sistema de proteção civil, e incremente a resposta operacional”, sublinhou.

A propósito da celebração dos protocolos relativos às instalações do Posto Territorial da GNR de Baião, o governante referiu ter a convicção “que essas obras irão tornar mais digna a missão que os efetivos da GNR de Baião têm levado a cabo com elevado sentido de dever e de serviço à comunidade, fazendo jus ao seu lema: Pela Lei e Pela Grei”, afirmou.

O Ministro da Administração Interna terminou a sua intervenção, referindo ainda que a tutela sob a sua jurisdição “compreende um vasto conjunto de áreas e domínios de intervenção que nos convocam à adoção de políticas que possam integrar e refletir as necessidades de uma sociedade em constante processo de mudança, onde a segurança deve ser encarada como primordial na concretização de uma estratégia nacional de modernização e de desenvolvimento socioeconómico”, evidenciando ainda que “enquanto responsável pela tutela da Administração Interna, procurarei, no exercício do meu mandato, propor um Compromisso Nacional para uma segurança integrada onde, incontornavelmente, os poderes autárquicos terão um papel primordial”.  O Ministro da Administração Interna revelou ainda ser sua “profunda certeza de que Baião e os baionenses darão o seu inequívoco contributo para esse compromisso, sempre mobilizados para o Presente, mas também para o futuro das novas gerações”.

“É UMA HONRA PARA TODOS NÓS O ESTATUTO QUE AS SUAS ATITUDES, O SEU TALENTO, CAPACIDADE DE TRABALHO E VISÃO POLÍTICA LHE GRANJEIAM”.

Por seu lado, o Presidente da Câmara Municipal de Baião, Paulo Pereira, na sua intervenção, evidenciou  que “a quantidade e diversidade de participantes neste momento simbólico, será, também, demonstrativa do prestígio e reconhecimento que o Ministro da Administração Interna detém”, acrescentando que “o Ministro é, também, o José Luís Carneiro, ex-presidente da Câmara Municipal de Baião, de uma terra na qual deixou e mantém uma marca visível, e que se comprova no reconhecimento e afeto que os baionenses sempre lhe demonstraram e demonstram”.

O edil baionense, revelou ser “uma honra para todos nós o estatuto que as suas atitudes, o seu talento, capacidade de trabalho e visão política lhe granjeiam”, realçando que “estando há poucos meses à frente de tão importante Ministério, tem vindo, paulatinamente e a um ritmo de trabalho intenso, por vezes discreto, a imprimir essas suas marcas pessoais, traduzidas em eficácia e eficiência e em políticas públicas de qualidade” realçou.

Paulo Pereira, referiu-se ainda às razões desta visita oficial ao “Posto Territorial da GNR e à participação na celebração do sexagésimo aniversário da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Baião, que traduz a forma como pauta a missão do serviço público, independentemente das funções que desempenha.

O Presidente da Câmara de Baião disse ainda que o Ministro da Administração Interna está “sempre atento às necessidades dos territórios, sempre próximo das instituições e sempre disponível para ações que permitam reconhecer e dar visibilidade àquelas instituições que trabalham em prol da comunidade. Observamos que esse cuidado tem sido um fio condutor na sua ação ao longo do tempo e dos diversos cargos públicos que ocupou e ocupa”.

O autarca baionense referiu-se à sua função enquanto Presidente de Câmara, onde tem “a obrigação de defender os interesses do Município. Criticando construtivamente a ação governativa sempre que se justifique, mas também, reconhecendo, valorizando e destacando pela positiva os seus méritos e ações concretas.

Paulo Pereira afirmou ainda ter igualmente “a obrigação de exercer o magistério de influência que o mandato que me foi atribuído pelos Baionenses me confere, ao aproveitar momentos como estes para sensibilizar os governantes para situações que merecem a nossa maior atenção”.

Nesse sentido, aludiu ao facto de Baião albergar no seu território as duas Brigadas de Sapadores Florestais da Comunidade Intermunicipal do Tâmega e Sousa, assim como, o Comando sub-regional da Proteção Civil para o Douro, Tâmega e Sousa estar em fase de instalação. Segundo o edil baionense, trata-se de “unidades e equipamentos que nos responsabilizam a fazer ainda mais e melhor”.

Paulo Pereira, em referência às corporações de bombeiros do concelho, evidenciou “a sua valia, valentia e capacidade de resposta amplamente reconhecidas, bem como o bom relacionamento institucional que tem existido. Disse ainda estar a par “das suas inquietações, dos seus desafios e dos seus projetos”, destacando “a dificuldade em dar resposta a matérias como os custos de contexto, o aumento de despesas correntes, a substituição de viaturas, a qualificação de instalações ou a falta crescente de voluntários e a necessidade de profissionalização e fixação de operacionais”.

A boa relação entre as instituições foi também realçada, uma vez que “da parte da autarquia temos estado muito atentos, pautando a nossa ação com grande lealdade, lisura e cooperação, indo, muitas vezes, além das nossas atribuições e competências, pois apoiar as corporações é valorizar o inestimável serviço que prestam às nossas populações”, afirmou Paulo Pereira.

Neste âmbito, realçou que, para além de muitas outras ações de cooperação, a autarquia em articulação com o Governo, dotou, em 2018 e 2019, as duas corporações de bombeiros concelhias com duas Equipas de Intervenção Permanente, alocando-se uma a cada corporação”, acrescentando que “com as devidas distâncias, o mesmo se aplica no que respeita à parceria virtuosa entre a autarquia e a Guarda Nacional Republicana”, realçando, a este propósito, “um conjunto de ações levadas a cabo pela edilidade no sentido de ajudar a GNR de Baião a dar as melhores respostas possíveis às nossas populações, tais como, ações de manutenção e qualificação do quartel, a pavimentação do parque de estacionamento, a cedência de equipamentos de proteção individual durante o período de pandemia, ou o apetrechamento do posto com computadores para apoio ao trabalho administrativo.

Mas, também neste caso, estamos atentos, e sabemos das inquietações, dos desafios e das dificuldades da GNR de Baião”, assegurou.

Paulo Pereira elencou ainda os diversos contactos estabelecidos com a tutela, ao longo dos anos, na tentativa de encontrar soluções para dotar o Posto Territorial da GNR de melhores condições. “Para me reportar apenas ao período no qual sou Presidente de Câmara, reuni em janeiro de 2016, com a Secretária de Estado Adjunta e da Administração Interna, Isabel Oneto; em agosto de 2016, com o Secretário de Estado da Administração Interna, Jorge Gomes; em maio de 2018, com o Secretário de Estado da Proteção Civil, José Artur Neves; em novembro de 2021, com o Ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, e, em maio de 2022, com o Senhor Ministro da Administração Interna, José Luís Carneiro”

Para Paulo Pereira, a assinatura destes protocolos vai traduzir-se, “de forma marcante, na melhoria das condições de vida da nossa população, a quem devemos servir, tendo em conta a razão da nossa existência, enquanto responsáveis políticos, enquanto servidores públicos”, realçou.

 

 

AnteriorSeguinte

COMUNIQUE UMA OCORRÊNCIA
NO TERRITÓRIO DE BAIÃO

Alerte a Câmara Municipal de Baião para OCORRÊNCIAS no espaço público (quedas de árvores, fugas de água, estrada danificada, animais abandonados, entre outros…).

Clique AQUI para aceder à página de submissão de alertas.

Baião agradece-lhe o tempo dispensado.
Obrigado! ?

Terça-feira 10°5°CQuarta-feira 6°CQuinta-feira 11°6°CSexta-feira 3°CSábado 5°CDomingo 11°8°C

CONTACTOS ÚTEIS

Câmara Municipal

255 540 500

Praça Heróis do Ultramar 4640-158 Campelo - Baião

Seg. a Sex. : 09h às 13h - 14h às 17h

 

Auditório Municipal

255 542 918

Seg. a Sex. :  09h às 13h - 14h às 17h

 

Posto de Turismo

255 540 562

Seg. a Sex. : 09h às 13h - 14h às 17h Sáb e Dom. : 10h às 13h

 

Museu Municipal

255 540 550

Seg. a Sex. : 09h às 13h - 14h às 17h

Ver todos

[wpc-weather id=”69316″/]

FARMÁCIAS EM BAIÃO

Farmácia Queirós Cunha | Campelo

Morada
Rua de Camões, 172
Campelo

Telefone
255 542 340

Horário
Todos os dias > 08h30 às 22h00
Serviço noturno alternado

Farmácia Barbosa | Campelo

Morada
Rua de Camões, 360
Campelo

Telefone
255 541 113

Horário
Todos os dias > 08h30 às 22h00
Serviço noturno alternado

Farmácia Rocha Barros | Ancede

Morada
Rua da Capelinha, 71 e 75
Ancede

Telefone
255 551 425

Horário
Segunda a Sexta > 08h30 às 20h00
Sábado> 09h00 às 13h00 e 14h00 às 20h00
Domingo e Feriados > 09h30 às 13h00
Restantes horas, disponibilidade permanente mediante contacto telefónico

Farmácia de Gestaçô | Gestaçô

Morada
Rua Soeiro Pereira Gomes, nº 30
Gestaçô

Telefone
254 888 006

Horário
Segunda a Sexta > 09h00 às 20h30
Sábado > 09h às 13h00 e 14h30 às 20h30
Restantes horas, disponibilidade permanente mediante contacto telefónico

Farmácia Santa Marinha | Sta. Marinha do Zêzere

Morada
Rua 20 de Junho – Edifício Central Zezerense, LJ H
Santa Marinha do Zêzere

Telefone
254 888 193

Horário
Segunda a Sexta > 09h00/20h30
Sábado> 09h00-13h00 e 14h30-20h30
Domingo e Feriados > 09h00-13h00
Restantes horas, disponibilidade permanente mediante contactos telefónico

Farmácia Cardoso Cruz | Sta. Marinha do Zêzere

Morada
Rua 1º de Maio, nº 161
Santa Marinha do Zêzere

Telefone
254 881 900

Horário
Segunda a Sexta > 09h00/19h00
Restantes horas, disponibilidade permanente mediante contacto telefónico