• Quarta-feira 32°18°C
  • pt PT
  • Google Tradutor
    Tradutor

Cultura Destaques Economia Emprego Formação Tradições

Curso de Formação que ensina a arte das Bengalas de Gestaçô vai ter continuidade em setembro

O Presidente da Câmara Municipal de Baião, Paulo Pereira, e a Vereadora da Formação, Qualificação, Emprego e Cultura, Anabela Cardoso, estiveram no encerramento do curso de formação que ensinou a arte das Bengalas.

Este curso teve a duração de 200 horas com componentes prática e teórica. Tratou-se de uma formação financiada, que teve lugar nas instalações da Junta de Freguesia de Gestaçô e foi ministrada pelo artesão Eduardo Cardoso a 19 formandos.

No termino do curso estiveram também presentes o autarca local, António Bento, e o diretor do Centro de Formação Profissional para o Artesanato e Património (CEARTE), Luís Rocha.

Paulo Pereira referiu que “esta formação teve como objetivo formar novos artesãos para manter viva a arte de fazer as Bengalas de Gestaçô, assim como preservar, promover e valorizar este património cultural que constitui parte da identidade baionense”.

O autarca desafiou as formandas a continuarem com esta arte ancestral, aliando a preservação das tradições à promoção do próprio emprego, segundo o edil “este é ainda um mercado por explorar”, referiu.

No final o Presidente da autarquia agradeceu de forma especial ao artesão e formador, Eduardo Cardoso, pelo ensinamento e pela partilha de saberes que transmitiu às formandas.

Por sua vez Anabela Cardoso salientou que “é muito importante que não se percam estas artes e saberes. A Câmara Municipal de Baião pretende realizar este trabalho tanto para as bengalas de Gestaçô como para as cestas de Frende, para que estas artes possam perdurar até às gerações vindouras”.

A autarca realçou ainda o apoio do CEARTE, caracterizando-o como “fundamental para a realização desta iniciativa, porque foi necessário desenhar uma oferta formativa específica para o efeito.”

A boa noticia do dia foi transmitida pelo diretor do CEARTE, que depois de agradecer ao Executivo da Câmara e ao Presidente da Junta, pelo apoio prestado no decorrer do curso, anunciou a possibilidade da continuidade do curso no próximo mês de setembro. Informação que agradou a todos os presentes.

No final as entidades presentes foram brindadas com uma bengala executada pelas formandas no decorrer do curso.

As Bengalas de Gestaçô são, a par das Cestas de Frende, uma referência do artesanato do concelho de Baião e caracterizam-se por uma série de técnicas de produção com mais de 100 anos, que foram sendo passadas de geração em geração ao longo dos tempos.

CLASSIFICAÇÃO DAS BENGALAS COMO PATRIMÓNIO IMATERIAL NACIONAL

A Câmara Municipal de Baião, através do Pelouro da Cultura e Património Cultural encetou esforços com o objetivo de classificar as Bengalas de Gestaçô como Património Imaterial Nacional.

No dia 18 de fevereiro deslocaram-se a Baião três técnicos da Direção Geral do Património Cultural (DGPC) para aferirem da viabilidade da atribuição deste reconhecimento a esta elemento do artesanato baionense.

O processo de classificação seguirá agora os trâmites a que está sujeito.

Na mesma altura, a Vereadora da Cultura convidou os técnicos da DGPC para visitarem as artesãs das cestas de Frende, uma vez que se trata também de um produto artesanal baionense de excelência.

A estratégia tendente à sua classificação está já definida, no entanto, requer a prossecução de mais estudos para que se possa efetuar a candidatura.

 

 

AnteriorSeguinte

COMUNIQUE UMA OCORRÊNCIA
NO TERRITÓRIO DE BAIÃO

Alerte a Câmara Municipal de Baião para OCORRÊNCIAS no espaço público (quedas de árvores, fugas de água, estrada danificada, animais abandonados, entre outros…).

Clique AQUI para aceder à página de submissão de alertas.

Baião agradece-lhe o tempo dispensado.
Obrigado! ?

Quarta-feira 32°18°CQuinta-feira 28°16°CSexta-feira 30°17°CSábado 29°15°CDomingo 26°13°CSegunda-feira 23°13°C

CONTACTOS ÚTEIS

Câmara Municipal

255 540 500

Praça Heróis do Ultramar 4640-158 Campelo - Baião

Seg. a Sex. : 09h às 13h - 14h às 17h

 

Auditório Municipal

255 542 918

Seg. a Sex. :  09h às 13h - 14h às 17h

 

Posto de Turismo

255 540 562

Seg. a Sex. : 09h às 13h - 14h às 17h Sáb e Dom. : 10h às 13h

 

Museu Municipal

255 540 550

Seg. a Sex. : 09h às 13h - 14h às 17h

Ver todos

[wpc-weather id=”69316″/]

FARMÁCIAS EM BAIÃO

Farmácia Queirós Cunha | Campelo

Morada
Rua de Camões, 172
Campelo

Telefone
255 542 340

Horário
Todos os dias > 08h30 às 22h00
Serviço noturno alternado

Farmácia Barbosa | Campelo

Morada
Rua de Camões, 360
Campelo

Telefone
255 541 113

Horário
Todos os dias > 08h30 às 22h00
Serviço noturno alternado

Farmácia Rocha Barros | Ancede

Morada
Rua da Capelinha, 71 e 75
Ancede

Telefone
255 551 425

Horário
Segunda a Sexta > 08h30 às 20h00
Sábado> 09h00 às 13h00 e 14h00 às 20h00
Domingo e Feriados > 09h30 às 13h00
Restantes horas, disponibilidade permanente mediante contacto telefónico

Farmácia de Gestaçô | Gestaçô

Morada
Rua Soeiro Pereira Gomes, nº 30
Gestaçô

Telefone
254 888 006

Horário
Segunda a Sexta > 09h00 às 20h30
Sábado > 09h às 13h00 e 14h30 às 20h30
Restantes horas, disponibilidade permanente mediante contacto telefónico

Farmácia Santa Marinha | Sta. Marinha do Zêzere

Morada
Rua 20 de Junho – Edifício Central Zezerense, LJ H
Santa Marinha do Zêzere

Telefone
254 888 193

Horário
Segunda a Sexta > 09h00/20h30
Sábado> 09h00-13h00 e 14h30-20h30
Domingo e Feriados > 09h00-13h00
Restantes horas, disponibilidade permanente mediante contactos telefónico

Farmácia Cardoso Cruz | Sta. Marinha do Zêzere

Morada
Rua 1º de Maio, nº 161
Santa Marinha do Zêzere

Telefone
254 881 900

Horário
Segunda a Sexta > 09h00/19h00
Restantes horas, disponibilidade permanente mediante contacto telefónico