• Quarta-feira 16°12°C
  • pt PT
  • Google Tradutor
    Tradutor

Ambiente Destaques Institucional

Dois filmes mostram a Aboboreira como nunca foi vista

Documentário "Aboboreira - A Serra Viva" estreia no dia 24 de setembro, às 21h30

O Auditório Municipal de Baião recebeu, a 22 de setembro, a apresentação de dois documentários de grande qualidade sobre a Serra da Aboboreira: “Aboboreira – A Serra Viva” e “Aboboreira em 3D”, produzidos pela Associação de Municípios do Baixo Tâmega (AMBT).

Estes documentários audiovisuais poderão auxiliar no objetivo de criar uma “Paisagem Regional Protegida” na referida serra, um objetivo dos autarcas da região. Estes filmes inserem-se numa estratégia mais vasta de valorização da Aboboreira, que contemplou ainda uma estratégia de promoção e divulgação deste espaço, a sensibilização para a proteção e conservação da natureza e a promoção turística e valorização de recursos endógenos.

A sessão contou com a presença dos presidentes de Câmara dos 3 concelhos que partilham a Aboboreira – Amarante, Baião e Marco de Canaveses – que se mostraram agradados, e até emocionados, com a qualidade dos filmes apresentados.

“Estes projetos ajudam, de forma concreta, à valorização do nosso território e mostram a riqueza ambiental e cultural da serra da Aboboreira”, referiu o presidente da Câmara Municipal de Baião, Paulo Pereira, que preside também à AMBT.

O edil, referiu, na sua intervenção “que cada vez mais pessoas valorizam a dimensão paisagística e ambiental dos territórios”.

Na opinião do autarca, “estes vídeos poderão ajudar a que mais habitantes dos três concelhos visitem a Aboboreira, tal como turistas vindos de fora da região. Com a valorização da Aboboreira poderemos atrair mais pessoas, mostrar-lhes o território e contribuir para a criação de emprego e para a dinamização económica do território”.

Paulo Pereira evocou algumas da mais-valias da Aboboreira, desde os 7000 anos de presença humana, às valências desportivas como os percursos BTT e pedestres, ao Centro Hípico. “A partir desta serra podemos convidar para todo este território do Douro Verde”, rematou Paulo Pereira.

Paulo Pereira salientou que o aumento da permanência de turistas na região poderá contribuir não apenas para o desenvolvimento destes três concelhos, mas de todos os que compõem a AMBT – inclui ainda Celorico de Basto e Resende -, mas de toda a região do Tâmega e Sousa. O autarca focou a união entre os diferentes municípios – “estamos em sintonia” – e referiu que os mesmos são complementares e ganham com a colaboração entre si. “Hoje em dia olhamos para as serras e rios não como obstáculos ou limites que dividem os territórios, mas sim como elementos que unem os mesmos e permitem a sua valorização”.

 

PAISAGEM PROTEGIDA REGIONAL

Na sessão foi falada a intenção de criar uma paisagem protegida regional na Serra da Aboboreira. Para que esse objetivo pudesse ganhar forma, foi necessário realizar vários projetos de investigação de cariz científico. O objetivo de criação da paisagem protegida regional está em curso e poderá ficar concluída nos próximos meses. Essa classificação permitiria adotar medidas eficazes para a manutenção e valorização da diversidade biológica e do caráter da paisagem, bem como preservar o património natural e cultural da Aboboreira.

Presentes na sessão, os autarcas de Amarante e de Marco de Canaveses, aplaudiram também a qualidade dos filmes sobre a Aboboreira.

“Que trabalho fantástico, estou encantado”, confessou José Luís Gaspar. Para o autarca amarantino é possível “perceber que há toda uma área que permite, num período tão difícil às pessoas como tem sido a COVID-19, sentirem a segurança necessária para nos virem visitar. Aqui respira-se ar puro, há gastronomia belíssima, uma série de argumentos que farão com que esta serra seja um expoente a nível nacional”, destacou.

Também Cristina Vieira admitiu ter tomado parte num “momento muito emocionante” e ter assistido a “filmes também muito divertidos”, os quais tiveram a capacidade de a surpreender, mesmo sendo ‘da terra’. “Estou tão feliz como os que os produziram”. Cristina Vieira evocou a grande paixão que a serra desperta em si e recuou até ao período em que, enquanto presidente da Junta de Freguesia de Soalhães, participou na criação de um percurso pedestre pela serra, admitiu.

Os filmes sobre a Aboboreira foram realizados por Marco Neiva e Bertino Araújo.

O documentário “Aboboreira – A Serra Viva” tem a duração de 24 minutos e narração do locutor Eduardo Rego, voz conhecida dos filmes sobre vida selvagem. Este filme será divulgado nas redes sociais da AMBT e dos municípios no dia 24 de setembro, às 21h30.

O filme “Aboboreira em 3D”, recorre a técnicas de filmagem modernas para mostrar a serra numa perspetiva diferente. Este filme é exibido com recurso a óculos e a um projetor especial. Nele vemos as aventuras do sapo Bufo e do investigador Carlos Tavares, que num registo divertido vão mostrando a beleza, e os segredos, da serra da Aboboreira. Este filme irá ser exibido nas escolas da região, de modo a sensibilizar os jovens dos concelhos para a importância de conhecerem o património que têm nas suas terras e de o protegerem.

AnteriorSeguinte

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

COMUNIQUE UMA OCORRÊNCIA
NO TERRITÓRIO DE BAIÃO

Alerte a Câmara Municipal de Baião para OCORRÊNCIAS no espaço público (quedas de árvores, fugas de água, estrada danificada, animais abandonados, entre outros…).

Clique AQUI para aceder à página de submissão de alertas.

Baião agradece-lhe o tempo dispensado.
Obrigado! 👍

Quarta-feira 16°12°CQuinta-feira 16°11°CSexta-feira 14°9°CSábado 16°12°CDomingo 13°8°CSegunda-feira 12°7°C

CONTACTOS ÚTEIS

Câmara Municipal

255 540 500

Praça Heróis do Ultramar 4640-158 Campelo - Baião

Seg. a Sex. : 09h às 13h - 14h às 17h

 

Auditório Municipal

255 542 918

Seg. a Sex. :  09h às 13h - 14h às 17h

 

Posto de Turismo

255 540 562

Seg. a Sex. : 09h às 13h - 14h às 17h Sáb e Dom. : 10h às 13h

 

Museu Municipal

255 540 550

Seg. a Sex. : 09h às 13h - 14h às 17h

Ver todos

[wpc-weather id=”69316″/]

FARMÁCIAS EM BAIÃO

Farmácia Queirós Cunha | Campelo

Morada
Rua de Camões, 172
Campelo

Telefone
255 542 340

Horário
Todos os dias > 08h30 às 22h00
Serviço noturno alternado

Farmácia Barbosa | Campelo

Morada
Rua de Camões, 360
Campelo

Telefone
255 541 113

Horário
Todos os dias > 08h30 às 22h00
Serviço noturno alternado

Farmácia Rocha Barros | Ancede

Morada
Rua da Capelinha, 71 e 75
Ancede

Telefone
255 551 425

Horário
Segunda a Sexta > 08h30 às 20h00
Sábado> 09h00 às 13h00 e 14h00 às 20h00
Domingo e Feriados > 09h30 às 13h00
Restantes horas, disponibilidade permanente mediante contacto telefónico

Farmácia de Gestaçô | Gestaçô

Morada
Rua Soeiro Pereira Gomes, nº 30
Gestaçô

Telefone
254 888 006

Horário
Segunda a Sexta > 09h00 às 20h30
Sábado > 09h às 13h00 e 14h30 às 20h30
Restantes horas, disponibilidade permanente mediante contacto telefónico

Farmácia Santa Marinha | Sta. Marinha do Zêzere

Morada
Rua 20 de Junho – Edifício Central Zezerense, LJ H
Santa Marinha do Zêzere

Telefone
254 888 193

Horário
Segunda a Sexta > 09h00/20h30
Sábado> 09h00-13h00 e 14h30-20h30
Domingo e Feriados > 09h00-13h00
Restantes horas, disponibilidade permanente mediante contactos telefónico

Farmácia Cardoso Cruz | Sta. Marinha do Zêzere

Morada
Rua 1º de Maio, nº 161
Santa Marinha do Zêzere

Telefone
254 881 900

Horário
Segunda a Sexta > 09h00/19h00
Restantes horas, disponibilidade permanente mediante contacto telefónico