• Terça-feira 25°20°C
  • (+351) 255 540 500

  • pt Português
  • Google Tradutor
    Tradutor

Cultura Destaques Tradições

Enchente no 18.º encontro concelhio de Cantadores de Janeiras em Ancede

18 grupos vindos de dentro e fora do concelho juntaram-se para mais um encontro de gerações. O fio condutor foi a música, e a aliança entre a energia das crianças do presente com as memórias de infância dos idosos continua a ser muito vivenciada e aplaudida por todos. O evento voltou a ser um sucesso.

Foram quase 300 os cantadores que este sábado, 26 de janeiro, se juntaram em Ancede para provar que a tradição de cantar as janeiras se encontra bem viva. De miúdos a graúdos ninguém quis ficar de fora desta grande festa que reuniu no mesmo espaço 18 grupos oriundos, fundamentalmente, de várias freguesias de concelho.

A iniciativa cumpriu a sua 18ª edição e a cada ano acorrem à festa cada vez mais pessoas. O evento decorreu na tenda contígua ao Mosteiro de Santo André de Ancede, que tem capacidade para acolher os participantes assim como os muitos espectadores que estiveram a assistir sem arredar pé, até bem perto das 2 da manhã, a uma noite de cultura e tradição.

Os cantadores integram diversos grupos em representação de associações culturais, desportivas e recreativas do concelho. Foram eles a Escola de Música da Casa do Povo de Campelo; o Centro de Estudos de Ancede, Cool Kids; o Grupo de Novos Jovens de Santa Cruz do Douro e São Tomé de Covelas; o Grupo de Jovens da Paróquia de Ancede; o Rancho Folclórico de Baião; a Associação de Concertinas e Bombos de S. Tiago de Queimada; o Grupo “Viver a Vida” de Ancede; Associação de Concertinas do Lameirão; Rancho Folclórico “As Ceifeiras de Valadares”; Associação “Os Alegrinhos”; Paróquia de São Miguel de Tresouras com o grupo “Arte da Terra”; Grupo Coral da Paróquia de Ancede; Rancho Folclórico de Ancede, Grupo de Bombos da Associação Desportiva de Ancede; Rancho Folclórico de Ancede, Grupo “Santo André de Ancede”; Associação Porto de Baião; Banda Marcial de Ancede e Associação Desportiva de Ancede.

O sucesso do evento em muito se deve à fiel participação dos grupos que têm assinalado a sua comparência desde o primeiro ano. São eles que também pesquisam, recolhem e registam um reportório popular que de outra forma se perderia. As músicas cantadas há décadas são lembradas com muita alegria.

A união de freguesias de Ancede e Ribadouro tem acolhido a iniciativa desde a sua primeira edição. Daniel Guedes, presidente da junta, lembra que a génese do evento está na “valorização do trabalho desenvolvido pelas associações culturais e na preservação das memórias e das raízes populares”.

Baião é um dos concelhos nortenhos que mais tem trabalhado na preservação das tradições que fazem parte da sua história. Ao longo do ano são várias as iniciativas do género que a autarquia faz questão de promover.

Paulo Pereira, presidente da Câmara Municipal de Baião, que, a par com Daniel Guedes e demais elementos do executivo autárquico, esteve na primeira fila, mostrou-se muito entusiasmado. O autarca cantou as músicas de todos os grupos e, no final, junto dos cantadores revelou-se “muito satisfeito e agradecido pelo facto dos baionenses, tal como a autarquia, terem a mesma visão no que à preservação das tradições diz respeito”. Para o edil baionense “este género de eventos, que a autarquia faz questão de não deixar esmorecer, são a prova viva de que a cultura, a identidade, a confraternização e a amizade estão bem enraizadas em Baião”.

O evento durou noite dentro com muita música, muita alegria e boa disposição.

AnteriorSeguinte

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Terça-feira 26°20°CQuarta-feira 33°21°CQuinta-feira 35°23°CSexta-feira 35°20°CSábado 30°16°CDomingo 28°16°C

CONTACTOS ÚTEIS

Câmara Municipal

255 540 500

Praça Heróis do Ultramar 4640-158 Campelo - Baião

Seg. a Sex. : 09h às 13h - 14h às 17h

 

Auditório Municipal

255 542 918

Seg. a Sex. :  09h às 13h - 14h às 17h

 

Posto de Turismo

255 540 562

Seg. a Sex. : 09h às 13h - 14h às 17h Sáb e Dom. : 10h às 13h

 

Museu Municipal

255 540 550

Seg. a Sex. : 09h às 13h - 14h às 17h

Ver todos

[wpc-weather id=”69316″/]

FARMÁCIAS EM BAIÃO

Farmácia Queirós Cunha | Campelo

Morada
Rua de Camões, 172
Campelo

Telefone
255 542 340

Horário
Todos os dias > 08h30 às 22h00
Serviço noturno alternado

Farmácia Barbosa | Campelo

Morada
Rua de Camões, 360
Campelo

Telefone
255 541 113

Horário
Todos os dias > 08h30 às 22h00
Serviço noturno alternado

Farmácia Rocha Barros | Ancede

Morada
Rua da Capelinha, 71 e 75
Ancede

Telefone
255 551 425

Horário
Segunda a Sexta > 08h30 às 20h00
Sábado> 09h00 às 13h00 e 14h00 às 20h00
Domingo e Feriados > 09h30 às 13h00
Restantes horas, disponibilidade permanente mediante contacto telefónico

Farmácia de Gestaçô | Gestaçô

Morada
Rua Soeiro Pereira Gomes, nº 30
Gestaçô

Telefone
254 888 006

Horário
Segunda a Sexta > 09h00 às 20h30
Sábado > 09h às 13h00 e 14h30 às 20h30
Restantes horas, disponibilidade permanente mediante contacto telefónico

Farmácia Santa Marinha | Sta. Marinha do Zêzere

Morada
Rua 20 de Junho – Edifício Central Zezerense, LJ H
Santa Marinha do Zêzere

Telefone
254 888 193

Horário
Segunda a Sexta > 09h00/20h30
Sábado> 09h00-13h00 e 14h30-20h30
Domingo e Feriados > 09h00-13h00
Restantes horas, disponibilidade permanente mediante contactos telefónico

Farmácia Cardoso Cruz | Sta. Marinha do Zêzere

Morada
Rua 1º de Maio, nº 161
Santa Marinha do Zêzere

Telefone
254 881 900

Horário
Segunda a Sexta > 09h00/19h00
Restantes horas, disponibilidade permanente mediante contacto telefónico